Censo: Pesquisa urbanística conta com 340 agentes censitários no AM

A Pesquisa Urbanística do Entorno dos Domicílios marca o início da operação do Censo 2022. A ação mobilizará até 12 de julho mais de 22 mil supervisores censitários em todo o Brasil.

Neste primeiro momento não serão feitas entrevistas e os dados serão colhidos apenas por meio de observação, avaliando as atualizações dos mapas urbanos e realizando a identificação de ruas e avenidas.

Uma preparação para a etapa de entrevistas domiciliares do Censo, já que com mapas atuais será garantida a cobertura de todos os domicílios. Como relata o chefe do IBGE no Amazonas, Ilcleson Mendes.

No Amazonas, a Pesquisa do Entorno conta com 340 agentes censitários. Eles vão visitar 4903 unidades territoriais usadas pelo IBGE, que reúnem 250 e 300 domicílios, em média, nos 62 municípios do Estado.

Na capital, a ação é realizada por 160 agentes que já começaram a registrar características urbanísticas. O coordenador técnico do IBGE no Amazonas, Tiago Almudi, destaca alguns itens.

De acordo com o IBGE, os dados levantados poderão subsidiar a formulação de políticas em áreas urbanas, visando a melhoria da qualidade de vida da população.

A etapa de entrevistas acontece nos meses de agosto e outubro de 2022. Os resultados desta edição serão divulgados apenas em 2023, junto com todas as demais informações apuradas no Censo deste ano.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *