Cheia histórica: Rio Negro desce 1cm e fica em 30m em Manaus

O Rio Negro diminuiu 1cm nesta sexta-feira (25) e estabilizou em 30 metros acima do nível do mar, nas últimas 24 horas. Nos últimos dias, o nível da água permaneceu instável, subindo e baixando desde o índice recorde registrado no dia 20 de junho, de 30,02 metros.

A marca dos 30,02 metros em Manaus foi a maior da história desde o início dos registros, em 1902. De acordo com o boletim da Defesa Civil, em todo o Amazonas, mais de 455 mil pessoas foram atingidas pela cheia.

A previsão do Serviço Geológico do Brasil (CPRM) era que o rio chegasse à cota máxima de 30 metros A expectativa é que, agora, o nível do rio comece abaixar. De acordo com o órgão, abaixo dos 27 metros o nível do rio é considerado patamar normal para a cheia.

Maiores cheias do Rio Negro

  • 2021 – 30,02 m
  • 2012 – 29,97 m
  • 2009 – 29,77 m
  • 1953 – 29,69 m
  • 2015 – 29,66 m
  • 1976 – 29,61 m
  • 2014 – 29,50 m
  • 1989 – 29,42 m
  • 2019 – 29,42 m
  • 1922 – 29,35 m
  • 2013 – 29,33 m

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *