Portal Você Online

CMM ajusta detalhes finais para atendimentos da Câmara Cidadã

Faltando poucos dias para a 2ª edição da Câmara Cidadã, parte da equipe responsável pela execução do projeto realizou, nesta sexta-feira (26), uma visita técnica no Centro de Convenções Povos da Amazônia, no Distrito Industrial de Manaus para definir os últimos ajustes na estrutura do evento.

Depois de atender mais de 8,3 mil pessoas na zona leste da capital na primeira edição, em março deste ano, a Câmara Cidadã agora leva 100 serviços gratuitos à população da zona sul nos dias 31 de maio e 1º de junho, no Centro Cultural dos Povos da Amazônia, área conhecida como Bola da Suframa.

De acordo com o diretor de Projetos Especiais da Câmara Municipal de Manaus (CMM), André Galvão, a visita contou com a participação de alguns parceiros da ação e o principal objetivo é alocar da melhor forma, de acordo com a necessidade de cada serviço, para prestar um serviço de qualidade ao público.

Advertisement

“Nós recebemos alguns parceiros que estarão conosco na 2ª edição do Câmara Cidadã, como Amazonas Energia e outros órgãos que vieram reconhecer o local e destacar suas necessidades. São muitas as especificidades, por exemplo, o serviço de castração de animais, que precisa de uma boa energia elétrica, água e um espaço maior. Atender essas particularidades é o objetivo da visita de hoje”, informou Galvão.

O diretor reforça, ainda, que o intuito do presidente da casa, vereador Caio André (PSC), e de todos os vereadores, é que o espaço seja agradável e que atenda bem às demandas da população.

“Temos a determinação de, dentro dessa estrutura de mais de 800m2 da ação, conseguirmos unir o conforto e um atendimento de excelência aos cidadãos que necessitem de algum dos serviços que disponibilizaremos. Acreditamos que, desde o número de parceiros, até o número de atendimentos, a 2ª edição da Câmara Cidadã, será um sucesso”, pontuou, André Galvão.

Serviços 

A Câmara Cidadã levará ao Centro Cultural dos Povos da Amazônia atendimentos de órgãos como a Defensoria Pública, o Sinetram, o Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza (FPS), o Ministério do Trabalho, Secretaria Municipal do Trabalho, Empreendedorismo e Inovação (Semtepi), Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc), Secretaria Executiva do Trabalho e Empreendedorismo (Setemp).

Também estarão presentes o Centro de Controle de Zoonoses, Procon-AM, Instituto PCD Juntos Somos Mais Fortes, Conselho Tutelar, Departamento Estadual de Trânsito (Detran-AM), Secretaria de Estado de Assistência Social (Seas), Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam), Sesc, Senac, Ecooperativa, instituições de ensino superior como a Unip e a Uninorte, castração de animais, concessionária de água, luz e telefonia móvel.

A Escola do Legislativo Vereadora Léa Alencar Antony, da CMM, também fará orientações sobre cursos gratuitos disponíveis em diversas áreas, bem como a Ouvidoria da Casa Legislativa.

As demandas do bairro também poderão ser apresentadas na Tribuna Popular, que será realizada na cúpula do Centro Cultural dos Povos da Amazônia.

Advertisement

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *