Covid: 1,6 mil pessoas foram vacinadas na reabertura do Vasco Vasques

O Centro de Convenções do Amazonas Vasco Vasques, no bairro Flores, zona Centro-Sul, registrou um movimento intenso na manhã desta segunda-feira (4), no primeiro dia de reabertura para a vacinação contra a Covid-19.

As dez estações de trabalho começaram a funcionar às 10h e o trabalho foi acompanhado pelo prefeito David Almeida e pelo titular da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), Djalma Coelho. Até as 16h, de acordo com dados parciais do Sistema Municipal de Vacinação (SMV), 1.689 pessoas haviam sido vacinadas no local.

O Vasco Vasques é um dos três pontos estratégicos abertos nos últimos dias pela Semsa, como resposta emergencial ao aumento da procura pela vacina nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs).

O secretário Djalma Coelho informou que as pessoas podem buscar o Vasco Vasques, com acesso pela rua jornalista Flaviano Limongi (ao lado do sambódromo), de segunda a sábado, de 9h às 16h.

No local, de acordo com ele, também é ofertada a vacina trivalente, que protege contra três cepas da Influenza (gripe). “Estamos voltando a ofertar a vacina em pontos estratégicos por conta do aumento da demanda, pois nesses locais temos um espaço muito maior, com capacidade de atender milhares de pessoas, de forma organizada e confortável. Aqui no Vasco Vasques, por exemplo, temos suporte para atender cerca de 2 mil pessoas diariamente, e também há a possibilidade de aumentar nossa estrutura caso a demanda supere nossa expectativa”, disse.

O público pode receber a primeira, segunda, terceira e quarta doses da vacina, conforme intervalo preconizado pelo Ministério da Saúde. Os usuários devem apresentar documento de identidade com foto e o cartão de vacina.

A vacinação no Centro de Convenções Vasco Vasques II também conta com apoio de vacinadores da Fundação de Vigilância em Saúde – Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP).

Demanda

O titular da Semsa, Djalma Coelho, afirmou que a secretaria tem observado um aumento expressivo na procura pela vacina.

Na última sexta-feira, (1º), o município registrou a aplicação de 16,5 mil doses, maior número desde o dia 14 de janeiro, quando foram imunizadas 20,7 mil pessoas. “Por conta do aumento de novos casos confirmados de Covid em Manaus, muitas pessoas estão procurando atualizar o esquema vacinal.

Na semana passada, o Ministério da Saúde também ampliou a faixa etária para a quarta dose, fazendo com que muitas pessoas se tornassem aptas para recebê-la”, afirmou.

A média diária de pessoas vacinadas subiu de 6,5 mil por dia, no dia 20 de junho, para 16,5 mil na última sexta-feira. A Semsa também voltou a ofertar a vacina nos pontos estratégicos do Studio 5, zona Sul, e shopping Phelippe Daou, zona Norte, de 9h às 16h.

Os demais pontos de vacinação estão funcionando em UBSs. Nesta semana, a Semsa está ofertando 84 pontos de vacinação em toda a cidade, que funcionam em horários estratégicos.

A lista com endereços e horários pode ser conferida no site da Semsa (semsa.manaus.am.gov.br) ou diretamente no link bit.ly/localvacinacovid19.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *