Desembargadores prestigiam governador

A solenidade também contou com a presença de autoridades religiosas; de reitores de universidades; do prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto; dentre outros.

O ouvidor-geral de Justiça, desembargador Elci Simões de Oliveira, representando o presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), desembargador Yedo Simões; o presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/AM), desembargador João de Jesus Abdala Simões e a desembargadora Joana dos Santos Meirelles prestigiaram, na terça-feira (1º), a solenidade de posse de Wilson Lima e Carlos Alberto Almeida Filho, respectivamente, como governador e vice-governador do Estado.   

O desembargador Elci Simões – que também é diretor do Fórum Cível Maria Euza Naice de Vasconcellos – desejou uma gestão profícua ao governador Wilson Lima e comentou que faz parte da democracia a renovação em todos os setores da sociedade. “Esperamos que isso traga melhorias para as esferas do Executivo, Legislativo e do Judiciário”, destacou o desembargador Elci Simões.

Já o presidente do TRE/AM, desembargador João Simões, fez um breve balanço do pleito e falou sobre a expectativa da população que elegeu seus representantes para o mandato de quatro anos.  “Completamos o ciclo com a diplomação dos eleitos e, agora, com a posse. Todos nós, cidadãos de uma forma geral, estamos ansiosos por um Brasil melhor e depositamos nossa confiança nos novos dirigentes e parlamentares eleitos”, afirmou o magistrado.

Compromissos

Em seu discurso de posse, o governador Wilson Lima  disse que após avaliação de sua equipe foram elencados três eixos que devem nortear a Administração Estadual: gestão eficiente e responsável; desenvolvimento empreendedor e sustentável; e qualidade de vida dos amazonenses.  “Vamos fazer reformas na administração estadual para assegurar eficiência na gestão. Vamos implantar o monitoramento e a avaliação de políticas públicas para garantir que o Estado invista somente naquilo que dê retorno positivo e gere benefícios aos cidadãos”, afirmou o governador, acrescentando que é imperativo modernizar a economia amazonense, dando especial atenção ao Polo Industrial e desenvolvendo as potencialidades de outros setores em que o Estado tem diferencial competitivo, como o turismo. “Temos, também, que investir em infraestrutura para que a competitividade da economia estadual chegue a um patamar mais elevado e, sobretudo, vamos priorizar investimentos de impacto que garantam oportunidades iguais a cada cidadão amazonense”, completou o governador.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *