ExpoAmazônia BIO&TIC deve gerar R$20 milhões em negócios no Amazonas

A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (Sedecti) apresentou a programação da Expo Amazônia BIO&TIC – que acontece de 30 de junho à 02 de julho em Manaus -, aos órgãos estaduais reunidos, na tarde de ontem (18), na sede da secretaria.

A reunião teve como objetivo consultar cada órgão/instituição convidada acerca do interesse em participar do evento e receber sugestões.

O overno do Estado, por meio da Sedecti, co-realizador do evento tem como proposta atrair cerca de R$20 milhões em negócios para o Amazonas.

“Convidamos essas 12 instituições, inicialmente, para que a gente possa mostrar à sociedade, as oportunidades que temos no que diz respeito à bioeconomia e à Tecnologia de informação e Comunicação. O propósito dessa reunião foi fazer com que essas instituições se organizem para que possamos demonstrar para o público visitante, o que o Governo do Estado vem fazendo em relação a essas duas temáticas”, esclareceu o secretário executivo de Ciência, Tecnologia e Inovação da Sedecti, Luiz Herval.

Expo Amazônia BIO&TIC

A ExpoAmazônia BIO&TIC tem como objetivo ser um dos principais eventos de inovação da região Norte, reunindo grandes palestrantes, institutos tecnológicos de economia digital e bioeconomia, indústrias fabricantes de bens de informática da Zona Franca de Manaus (ZFM), universidades, agências governamentais, startups, hubs, incubadoras, aceleradoras e investidores, em um ambiente totalmente propício para consolidar a região como referência em inovação, empreendedorismo e conexões de negócios.

Estiveram presentes no encontro, representantes das Secretaria de Estado de Educação do Amazonas (Seduc), de Produção Rural (Sepror), de Cultura e Economia Criativa, além da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam), Junta Comercial do Estado do Amazonas (Jucea), Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam), Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Amazonas (Adaf), Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam), Agência de Fomento do Estado do Amazonas (Afeam) e Universidade do Estado do Amazonas (UEA).

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *