Jornalista Vandré Fonseca, ex-repórter da Rede Amazônica, morre após infarto, em Manaus

O velório de Vandré acontecerá às 20h deste domingo, na Funerária Canaã, localizada na Rua Major Gabriel, nº1833, na Zona Sul de Manaus.

O jornalista Vandré Fonseca morreu na tarde deste domingo (18) após complicações decorrentes de um infarto. Ele trabalhou como repórter no Grupo Rede Amazônica entre 1998 e 2017. O comunicador tinha 46 anos. A informação foi confirmada pela Agência Amazônia Real, onde ele atuava.

Formado em Comunicação Social pela Fundação Cásper Líbero em São Paulo em 1996, o jornalista contava ainda com uma Especialização em Divulgação e Jornalismo Científico em Saúde e Ambiente na Amazônia pelo Instituto Leônidas e Maria Deane.

Fonseca morreu neste domingo (17) por conta de uma parada cardíaca em um hospital particular na Zona Sul de Manaus. Ele estava internado na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) por conta de um infarto.


Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *