Mesmo sob investigação senado confirma indicação de Flávio Bolsonaro

O líder da Rede Sustentabilidade, senador Randolfe Rodrigues (AP), apresentou requerimento para questionar a indicação do PSL , porém não adiantou.

Os senadores definiram nesta quarta-feira (06) os nomes que comporão a Mesa Diretora da Casa pelos próximos dois anos.

Em votação em chapa única, a sessão durou menos de duas horas e transcorreu de forma tranquila, ao contrário da votação do último sábado (2.fev) que elegeu uDavi Alcolumbre (DEM-AP) como novo presidente do senado.

Foram 72 votos sim, 2 não e 3 abstenções. A composição da Mesa ficará assim:

  • 1º Vice – PSDB – Antonio Anastasia (MG);
  • 2º Vice – Podemos – Lasier Martins (RS);
  • 1ª Secretaria – PSD – Sérgio Petecão (AC);
  • 2ª Secretaria – MDB – Eduardo Gomes (TO);
  • 3ª Secretaria – PSL – Flávio Bolsonaro (RJ);
  • 4ª Secretaria – PP – Luis Carlos Heinze (RS);
  • 1ª Suplência – PPS – Marcos do Val (ES);
  • 2ª Suplência – PDT – Weverton (MA);
  • 3ª Suplência – PT – Jaques Wagner (BA);
  • 4ª Suplência – PSB – Leila do Vôlei (DF).

O senador Randolfe (Rede) realizou 1 requerimento para que a indicação do senador Flávio Bolsonaro à Mesa Diretora fosse votada separadamente da chapa. Foi negado pelo presidente Davi Alcolumbre.

Segundo o líder do PSL, Major Olimpio, não há inconformidade legal da indicação, pois a 3ª secretaria não compõe a Mesa do Congresso.

“A indicação do PSL foi unânime […] tivemos 1 entendimento, votamos e o senador Flávio Bolsonaro, pra nós, é um orgulho e satisfação ele nos representar nesta mesa. É 1 senador pleno, eleito pelo estado do Rio de Janeiro”, disse.

Flávio se manifestou em plenário, afirmando que não há impedimento regimental ou ético de sua indicação pela bancada.

As presidências das comissões, entretanto, serão decididas apenas na próxima semana. Entre as mais almejadas está a CCJ (Comissão de Constituição e Justiça), que deve ficar sob o comando da senadora Simone Tebet (MDB-MS).

ESTRUTURA

  • 1º Vice – substitui o presidente nas suas faltas ou impedimentos; exerce as atribuições estabelecidas na Constituição quando o presidente não as tenha exercido;
  • 2º Vice – substituir o primeiro vice-presidente nas suas faltas ou impedimentos;
  • 1ª Secretaria –superintender os serviços administrativos e realizar a supervisão geral do Senado Federal, segundo as diretrizes fixadas pela Comissão Diretora;
  • 2ª Secretaria – lavrar as atas das sessões secretas, proceder-lhes a leitura e assiná-las depois do Primeiro-Secretário;
  • 3ª Secretaria – realiza a chamada dos senadores, nos casos determinados no regimento; conta os votos, em verificação de votação; auxilia o presidente na apuração das eleições, anota os nomes dos votados e organiza as listas respectivas.
  • 4ª Secretaria – exerce as mesmas atribuições do 3º secretário.

Rede questiona indicação

O líder da Rede Sustentabilidade, senador Randolfe Rodrigues (AP), apresentou requerimento para questionar a indicação do PSL para a Terceira-Secretaria da Mesa Diretora, que foi eleita nesta quarta-feira, 6. Isso porque o PSL indicou o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) para ocupar o cargo na Comissão.

Para Randolfe, por ser filho do presidente Jair Bolsonaro, seria questionável que Flavio ocupasse o cargo. “Não me parece de bom senso ter na Mesa Diretora alguém em linha consanguínea com o presidente”, justificou. Em razão disso, Randolfe solicitou que a votação da indicação de Flavio Bolsonaro fosse feita de forma separada em relação à chapa.

O líder do PSL no Senado, Major Olímpio (SP), saiu em defesa do colega de bancada. “Não há nada de ilegal e a indicação do partido foi unânime”, afirmou. Flávio também pediu a palavra para rebater Randolfe em tom cordial. “Não há nenhum impedimento constitucional, legal ou ético para a indicação”, disse o filho do presidente da República.

Apesar do requerimento apresentado em Plenário, Randolfe participou do acordo, junto ao presidente Davi Alcolumbre, que definiu a chapa única com uma vaga para o PSL.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *