Dólar Hoje

Morre poeta amazonense Thiago de Mello aos 95 anos

Thiago é considerado um dos poetas mais influentes e respeitados do Brasil e reconhecido como um ícone da literatura regional.

Morreu na manhã desta sexta-feira (14), aos 95 anos, o poeta e tradutor brasileiro Thiago de Mello. Ele faleceu na madrugada de hoje. Ainda não se sabe as causas da morte. A informação foi divulgada por meio do twitter do escritor Sérgio Freire, com a frase “Partiu o poeta Thiago de Mello”, e confirmada nos comentários da publicação.

Reconhecimento – Nascido em Barreirinha, em Porantim do Bom Socorro, no dia 30 de março de 1926, recebeu o nome de Amadeu Thiago de Mello. Thiago de Mello conquistou reconhecimento nacional e internacional, tornando-se um dos mais expressivos poetas contemporâneos do país.

É autor de livros reconhecidos mundialmente, como “Faz escuro, mas eu canto”, “Silêncio e palavra”, “Manaus, amor e memória”, entre outros. Além de escritor, exerceu o jornalismo e serviu no Itamaraty como adido cultural no Chile, onde cultivou uma grande amizade com Pablo Neruda e Salvador Allende.

Em homenagem ao poeta amazonense Thiago de Mello, a Prefeitura de Manaus realizou ano passado, em março, a exposição virtual “Thiago de Mello 95 anos de vida, poesia e amor por Manaus”, reunindo acervos pessoais e públicos do poeta, com fotos, entrevistas e vídeos. Já no Museu da Cidade de Manaus, localizado no centro histórico, o poeta possui uma exposição permanente em sua homenagem.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *