Portal Você Online

Município de Envira declara emergência com previsão de seca

Estiagem severa na área da Calha do Juruá, além dos Rios Tarauacá e Envira, deve implicar diretamente na logística de mercadorias no município.

Decreto publicado nesta quarta-feira (10), pela Prefeitura de Envira, município do interior do Amazonas, declara situação de emergência devido a seca dos rios que atinge a região.

Para especialistas, a estiagem deste ano deve superar a marca histórica registrada no estado em 2023.

Segundo o documento assinado pelo prefeito de Envira, Ruan Mattos, a situação de emergência leva em conta a projeção de estiagem severa na área da Calha do Juruá, além dos Rios Tarauacá e Envira, o que deve implicar diretamente na logística de mercadorias que abastecem o comércio local. A duração do decreto é de 180 dias.

Advertisement

A decisão leva ainda em consideração o decreto do Governo do Amazonas, que abrange 20 municípios, incluindo Envira, para oferecer amparo legal aos afetados.

Além disso, o documento relata que a estiagem causa, ano após ano, prejuízos econômicos, sociais, humanos materiais e ambientais irreparáveis, por conta do fenômeno natural no município.

O decreto publicado pela Prefeitura de Envira também mobiliza recursos para assistência às famílias atingidas, articulação com órgãos estaduais e federais, e monitoramento contínuo das condições climáticas.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *