Procon notifica Sindicato de Barbeiros e Cabeleireiros por falta de informações sobre preços

O Instituto de Defesa do Consumidor (Procon-AM) notificou, nesta quinta-feira (12), o Sindicato dos Salões de Barbeiros e Cabeleireiros de Manaus (SISBISIM). O órgão pediu esclarecimentos sobre a maneira como são informados os valores dos serviços nos salões da capital amazonense.

No documento, o Procon-AM cita a prática frequente por parte dos estabelecimentos de beleza de não apresentar informação clara e ostensiva a respeito do preço dos serviços disponíveis, o que representa uma violação ao art. 6º, inciso III do Código de Defesa do Consumidor.

O sindicato tem 10 dias para apresentar a notificação dos salões associados para adequação imediata à norma.

“Essa é uma demanda que vem crescendo bastante. O consumidor tem direito a todas as informações pertinentes à relação de consumo e o nosso papel é garantir que ele tenha esse e os demais direitos respeitados”, resumiu o diretor-presidente do Procon-AM, Jalil Fraxe.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *