Portal Você Online

#SouManaus: segurança tem apenas uma prisão por venda de pulseira

A noite do “#SouManaus Passo a Paço 2023 teve um público que superou 100 mil pessoas, mas teve apenas uma ocorrência policial envolvendo a venda de pulseira de acesso ao evento por uma pessoa, que foi presa pela Guarda Municipal. Nesse quesito o evento superou as expectativas dos organizadores com relação a segurança.

Uma rede integrada de segurança pública para atuar durante todo o festival é gerenciada pelo Centro de Cooperação da Cidade (CCC), Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Social (Semseg) e Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), em conjunto com as demais secretarias e órgãos municipais e estaduais.

O secretário municipal de Segurança, Sérgio Fontes, explicou o funcionamento da rede integrada: “Temos 182 guardas municipais atuando nesta primeira noite e 25 membros da Semseg nas equipes de apoio. Um total de 210 servidores só para o dia de hoje, para tentarmos manter esse efetivo e garantir a segurança das pessoas que forem prestigiar o evento”.

Advertisement

O diretor-presidente do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), Paulo Henrique Martins, avaliou positivamente o primeiro dia do festival na área central, nas imediações do evento.

“Todo o planejamento que foi feito foi cumprido exatamente como tinha sido planejado e nos horários pré-estabelecidos. Até o momento, o trânsito está funcionando como nós tínhamos imaginado. A população foi avisada da mudança do ônibus e o trânsito também está controlado, está contornado. Nós temos bastante agentes de trânsito nos locais de desvio. Então, a avaliação que a gente faz dessa primeira noite é uma avaliação muito boa, muito positiva”, destacou o diretor-presidente.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *