Corinthians elimina o Boca Juniors nos pênaltis na Bombonera

Agustin Marcarian/Reuters

O Corinthians está nas quartas de final da Libertadores da América. Depois de mais um empate por 0 a 0 no tempo normal, agora na Bombonera, o Timão foi carregado por Cássio na decisão por pênaltis, vencida por 6 a 5. O goleiro pegou dois pênaltis e ainda viu Benedetto, que perdeu um no primeiro tempo, chutar na arquibancada.

O atacante do Boca, aliás, teve mais duas chances incríveis no jogo, mas desperdiçou. E o Corinthians, remendado e com os “miúdos” de Vítor Pereira, fez uma partida heroica, se defendendo na maior parte do tempo e com muita concentração nas penalidades. O Timão consegue uma classificação épica na temida Bombonera, dez anos depois do seu primeiro e único título da Libertadores. 

Nos pênaltis, Rojo abriu a série colocando o Boca na frente, mas Fábio Santos empatou com cobrança no ângulo. Izquierdoz deslocou Cássio, e Cantillo fez o mesmo com Rossi em seguida. Aí Cássio defendeu a cobrança de Villa, mas Rossi fez o mesmo com Raul Gustavo.

Na quarta cobrança dos times, Pol Fernández converteu, e Bruno Melo parou em Rossi. Benedetto poderia ter classificado o Boca na quinta cobrança, mas mandou para longe, e Róger Guedes empatou em três a três para mandar tudo às alternadas. Óscar Romero, Roni, Alan Varela e Lucas Piton marcaram. Aí Cássio foi herói, e Gil converteu para colocar o Corinthians nas quartas de final.

Classificado, o Corinthians agora aguarda a definição de seu próximo adversário, Flamengo ou Tolima (COL), que jogam nesta quarta-feira (6). O Alvinegro volta a campo pelo Campeonato Brasileiro justamente contra o time carioca, às 16h (horário de Brasília) deste domingo (10). As quartas de final da Libertadores serão jogadas nas duas primeiras semanas de agosto.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *