Portal Você Online

Penalidade Máxima: prints comprometem Moisés, ex-Internacional

Conversas entre Romarinho e Moisés, então no Internacional — Foto: Reprodução

O lateral-esquerdo Moisés, ex-Internacional e hoje no CSKA, da Rússia, é mais um jogador citado na Penalidade Máxima II, operação do Ministério Público de Goiás (MP-GO) que investiga a manipulação de partidas do Campeonato Brasileiro de 2022 e dos Estaduais deste ano.

Advertisement

O defensor teria sido cooptado para receber um cartão amarelo na partida contra o São Paulo pela 18ª rodada do Brasileirão do ano passado, no dia 20 de julho. O atleta, porém, não foi denunciado pelo MP.

Segundo prints de conversas que constam no processo, Romarinho, um dos apostadores investigados, manda uma foto de um malote de dinheiro para Moisés e diz que vai depositar e transferir para ele. Na sequência, o defensor responde que a partida seria às 20h30. Após o jogo, o lateral mandou mensagem para o apostador dizendo que o combinado havia sido cumprido.

Advertisement

Na partida, Moisés foi advertido com um cartão amarelo aos 21 minutos do segundo tempo, por reclamação. O defensor arrancou pelo lado esquerdo, sofreu uma falta do jogador do São Paulo e reclamou que seu adversário não foi advertido. De acordo com a súmula do árbitro Marcelo de Lima Henrique, o atleta recebeu o cartão por “Desaprovar com palavras ou gestos as decisões da arbitragem”.

Este jogo, inclusive, marcou a despedida do lateral-esquerdo com o Internacional. Na zona mista do Beira-Rio, o defensor confirmou que o clube gaúcho e o CSKA, da Rússia, haviam se acertado e ele deixaria a equipe após aquela partida.

A conversa entre o apostador e o Moisés não se estende muito pois são prints repassados à terceiros. Na situação, Romarinho tenta convencer Didi, um outro apostador, que teria alguns jogadores garantidos. Após a conversa com o lateral-esquerdo, Romarinho manda suas mensagens com o volante Richard, que também já foi citado em um outro momento.

Procurado, o Internacional preferiu não se manifestar porque o jogador não faz mais parte do elenco e como não possui contato direto com ele, não seria possível averiguar o caso. A assessoria de Moisés disse que desconhece a informação.

Advertisement

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *