Portal Você Online

Prefeitura e Unicef promovem oficina de combate ao racismo na infância

Parte da iniciativa #AgendaCidadeUnicef, a Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc), e o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), promoveram, nesta quinta-feira (25), a oficina “Caminhos para uma Primeira Infância Antirracista em Manaus”.

Com o objetivo de chamar a atenção de profissionais da Educação, Assistência Social e Saúde sobre os impactos do racismo no desenvolvimento infantil, a capacitação foi realizada no auditório do Palacete Provincial, no centro histórico de Manaus, discutindo meios para a promoção de práticas antirracistas nos diferentes serviços de atendimentos oferecidos à gestantes, crianças negras e indígenas de até seis anos e suas famílias na capital amazonense.

Ao longo da manhã, foram realizadas palestras e rodas de conversa a fim de apresentar, analisar e desconstruir alguns conceitos e noções básicas relacionadas à estruturação da desigualdade racial no Brasil e em diferentes áreas.

Na assistência social, por exemplo, dados coletados pela Secretaria Nacional de Avaliação e Gestão da Informação e pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram que, até março deste ano, aproximadamente 70% das crianças de 0 a 4 anos inseridas no Cadastro Único eram negras.

De acordo com a facilitadora da palestra “O Impacto do Racismo na Primeira Infância” e Oficial de Desenvolvimento Infantil na Primeira Infância do Unicef, Maíra Souza, é de extrema importância que os impactos do racismo estrutural e institucional nos primeiros anos de vida das crianças – em especial de crianças negras e indígenas – sejam cada vez mais discutidos, avaliados e enfrentados.

Servidora da Secretaria Municipal da Educação (Semed), a psicóloga Amanda Lorena foi uma das participantes da capacitação e ressaltou a necessidade de mais momentos e debates relacionados à temática.

“Infelizmente, racismo pode ocorrer dentro de diversos espaços e de diferentes formas, por isso é importantíssimo que nós, enquanto servidores públicos ou privados da Educação e outras áreas, devemos estar plenamente preparados para lidar com esse tipo de situação. É importante que tenhamos o conhecimento necessário para trabalhar essas questões dentro de ambientes como a escola, por exemplo, para que possamos prevenir e mitigar esse tipo de violência”, concluiu.

Sobre a #AgendaCidadeUnicef

A #AgendaCidadeUnicef é uma iniciativa do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), em parceria com prefeituras municipais de oito grandes centros urbanos brasileiros, para promover direitos e oportunidades das crianças e dos adolescentes mais vulneráveis, contribuindo com a prevenção de violências em sua vida.

Desde o ano passado, a #AgendaCidadeUnicef vem desenvolvendo caminhos para a garantia de direitos e oportunidades para crianças e adolescentes por meio de estratégias integradas que ajudam a reduzir e prevenir violências no seu dia a dia, integrando metodologias de diferentes áreas (Educação, Saúde, Proteção, Inclusão Socioprodutiva) e promovendo a mobilização social e o monitoramento de indicadores relacionados à área da infância e da adolescência.

Em Manaus, a parceria tem como foco de atuação o bairro Colônia Antônio Aleixo, na zona Leste, que, de acordo dados coletados pela gestão municipal, abriga mais de 80% das crianças em situação de trabalho infantil da capital amazonense.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *