Portal Você Online

Seduc: convocação e posse aprovados no PSS de Diretores Escolares

A Secretaria de Estado de Educação e Desporto Escolar deu início, nesta segunda-feira (1), à posse de aprovados no Processo Seletivo Simplificado (PSS) para diretores escolares. Mais de 570 candidatos participaram do processo e 181 foram aprovados. A partir de agora, os candidatos serão convocados a partir da necessidade da secretaria.

De acordo com a Portaria GS n° 990, que rege o PSS dos diretores escolares, as convocações acontecerão durante os próximos dois anos, renováveis pelo mesmo período de tempo, em caso de necessidade. Nesta primeira convocação, as Escolas Estaduais (EE) Getúlio Vargas, Dulcinéia Varela Moura e Ângelo Ramazzotti, nas zonas sul, norte e centro-sul da capital, respectivamente, tiveram os novos gestores oficializados pelo processo seletivo.

Além delas, a Escola Estadual de Tempo Integral (Eeti) Maria de Lourdes Rodrigues da Cunha, na zona centro-oeste de Manaus, também teve a nova gestão ocupada por meio do PSS. Presente na acolhida das quatro novas profissionais de gestão escolar, a secretária de Educação, Arlete Mendonça, falou sobre a importância dos profissionais na rotina escolar dos estudantes da rede.

Advertisement

“É uma linha de trabalho do Governo do Amazonas tornar, a cada dia, mais transparente o processo de gestão escolar. É um cargo muito importante no contexto educacional e estamos felizes em dar esse pontapé, com profissionais que passaram por processos seletivos específicos sobre a atuação que terão no dia a dia”, destacou a secretária, que teve oito anos de experiência enquanto gestora escolar na trajetória profissional.

Para a posse em escolas estaduais da capital, os candidatos precisam apresentar a documentação na sede da Secretaria de Educação, localizada na zona sul de Manaus. Já para os convocados do interior, o envio da documentação acontece pelo seguinte endereço eletrônico: pssdiretorescolar@educacao.am.gov.br

Novas experiências

Realizado em duas etapas, o PSS dos diretores escolares teve como pilares a consideração da experiência profissional, a titularidade, a probidade administrativa e as entrevistas individuais dos candidatos. Baseado em critérios técnicos, o certame vai conceder a primeira oportunidade de gestão escolar para muitos profissionais, como é o caso da Gabriele Santana, convocada e agora diretora da Eeti Maria de Lourdes.

“Sempre ouvi dos meus colegas de profissão que tinha perfil de liderança e decidi tentar o processo seletivo. Fiquei muito feliz com a aprovação e agora estou pronta para este novo desafio profissional. Lutarei pelo melhor para os nossos estudantes”, declarou Gabriele.

Já para a gestora Bell Lira, que também terá a primeira experiência à frente da direção escolar, o processo seletivo é um marco na Secretaria de Educação. Agora diretora da EE Dulcinéia Varela, a educadora contou que se preparou muito para o certame.

“O processo seletivo é bom, dá um outro status ao profissional. Me preparei muito para ter esse momento e quero trazer a comunidade para dentro da escola, trabalhar as soluções junto das famílias”, destacou Bell.

Necessidade do PSS

A iniciativa do PSS dos diretores acompanha a ação nacional promovida pelo Ministério da Educação (MEC), por meio da Lei Nº 14.113, de 2020, que condiciona o recebimento de recursos da complementação do Valor Aluno Ano por Resultados (VAAR) a este processo.

Entre os requisitos básicos considerados para aprovação no certame estavam: ser servidor público efetivo da Secretaria de Estado de Educação e Desporto Escolar; ter disponibilidade em tempo integral; não ter afastamentos ou conflitos de interesses legais; ter formação em gestão escolar e coordenação pedagógica, entre outras exigências.

Entretanto, os gestores que já estão em atuação e que não passaram pelo PSS não serão destituídos dos seus cargos.

Os convocados serão chamados para as unidades escolares em processo de vacância, ou seja, em escolas que estão sem diretores por conta de desistência própria dos profissionais ou outros motivos.

A realização do PSS e a convocação dos candidatos nestes moldes garante o recebimento do VAAR à Secretaria de Educação.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *