Varíola dos macacos: sobe o número de casos confirmados no Amazonas

A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Dra. Rosemary Pinto (FVS-AM) confirmou ontem (28) a existência de mais 14 casos de varíola dos macacos (Monkeypox) no estado, chegando a marca de 111 registros no total.

Segundo o órgão, os novos casos foram diagnosticados em homens, entre 19 a 38 anos, 12 residentes em Manaus e dois em Iranduba.

Apenas um caso confirmado necessitou de internação devido às dores nas lesões, os demais seguem em isolamento domiciliar.

Ainda de acordo com a divulgação da situação da doença no Amazonas pela Fundação, atualmente o estado tem 310 notificações, 111 confirmados, 138 descartados, 61 suspeitos e nenhum registro de morte até o momento.

A FVS-AM orienta os amazonense para os cuidados preventivos que devem ser tomados para evitar a contaminação pela doença como evitar contato íntimo ou sexuais com desconhecidas e parcerias múltiplas, procurar serviço de saúde nos casos de aparecimento de lesões (bolhas) ou feridas.

Também orienta que no caso do aparecimento de lesões características da varíola dos macacos, ou em situação de diagnóstico confirmado, comunicar às suas parcerias sexuais dos últimos 21 dias, para realização de autoexame e em casos suspeitos ficar em isolamento até resultado laboratorial.

Em casos confirmados manter isolamento até total cicatrização da lesão, evitando contato com outras pessoas e, caso o contato seja necessário, cobrir as lesões utilizando roupas compridas e higienizar as mãos com frequência.

Medidas adicionais devem ser mantidas em casos suspeitos e confirmados, como evitar compartilhar alimentos, talheres, roupas de cama, toalhas, e outros objetos.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *